16/06/2016 - Notícias

Total apoia projeto de energia renovável em comunidade no Amapá

A Total E&P do Brasil e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amapá (Fapeap) lançaram em fevereiro deste ano um edital para selecionar projeto ligado a energias renováveis, como parte do Termo de Cooperação Técnica (TCT) firmado entre as partes para incentivo à pesquisa na região. O projeto vencedor do edital, desenvolvido pela Universidade do Estado do Amapá (Ueap), foi anunciado este mês e no dia 16 de junho foi assinado o Termo de Concessão de Auxílio Financeiro, no valor de R$ 1 milhão, para apoiar a implementação do projeto. A iniciativa do investimento integra a política de desenvolvimento socioambiental da Total, que prevê ações de transformação social nas comunidades onde atua.

O projeto eleito prevê 24h de eletrificação de um espaço, utilizando painéis fotovoltaicos, que convertem a energia solar em energia elétrica. Hoje, Franquinho, no arquipélago do Bailique, em Macapá, comunidade escolhida por estar em estado de vulnerabilidade socioambiental, só tem energia elétrica 4 horas por dia, gerada por um motor a diesel. Cerca de 64 pessoas moram em 13 residências na comunidade ribeirinha e serão beneficiadas com o projeto. O tratamento de água por membranas também está incluso nos planos dos pesquisadores. Painéis solares serão utilizados para mover dois motores: um puxará água de um poço artesiano e o segundo impulsionará o líquido pelas membranas, responsáveis pelo tratamento.

Esse sistema foi escolhido por ser autônomo e precisar de pouca manutenção, sendo necessário apenas o treinamento de uma pessoa. Dessa forma, os pesquisadores atendem não só a uma das principais exigências do edital, que é garantir que a população dê continuidade aos trabalhos após a finalização do projeto, mas também ao maior objetivo da Total dentro de suas políticas de desenvolvimento socioambiental: promover a transformação social nas comunidades onde atua.