07/10/2012 - Notícias

Total será a operadora do bloco Xerelete no Brasil

A Total anunciou que se tornou operadora da concessão do campo offshore de Xerelete, localizado em uma área promissora da bacia de Campos no Brasil. A transferência de operacionalidade da Petrobras para a Total vem após uma decisão unânime por parte dos parceiros do campo de Xerelete e a aprovação pelas autoridades brasileiras. A Total e a Petrobras tem, cada uma, participação de 41,2% na concessão, enquanto a BP detém os 17,6% restantes.

“A Total está ansiosa para trazer sua expertise mundial em operações em águas ultraprofundas para o Brasil", disse Ladislas Paszkiewicz, Vice-Presidente Sênior de Exploração e Produção nas Américas. “Nossa decisão de assumir a operacionalidade do campo de Xerelete faz parte da estratégia do Grupo de fortalecer suas atividades de exploração e produção no Brasil. Isso demonstra a nossa vontade de expandir a nossa presença no país”.

O campo de Xerelete, localizado a aproximadamente 250 quilômetros da costa do Rio de Janeiro, foi descoberto em 2001, em lâminas d'água de 2.400 metros e contém óleo relativamente pesado (17° a 20° API). Uma perspectiva de pré-sal também foi identificada abaixo da estrutura do Xerelete, que fica a cerca de 40 quilômetros a oeste da descoberta recém-anunciada, Pão de Açúcar.

A Total planeja começar as atividades de perfuração em 2013.

Além de sua participação no campo de Xerelete, a Total detém uma participação de 20% no bloco BM-S-54, onde a descoberta de Gato do Mato está sendo avaliada.